Segurança do Trabalho - Palestras Amputados Vencedores

Contato

facegpluspinterestinstalinkedinyoutubetwitter

livros-download

Quem Somos

Este site foi criado com o objetivo de repassar informações sobre diversos assuntos para pessoas com deficiência, tais como segurança, legislação, direitos sociais, tipo de próteses, amputações, artigos diversos, depoimentos, segurança no trabalho, entre outros temas.

Nesse site é possível trocar experiências e divulgar situações vivenciadas pela pessoa com deficiência, especialmente a pessoa amputada.

Palestras Sobre:

  • Segurança do Trabalho
  • Palestras Sipart
  • Amputações
  • Histórias

Palestras Segurança do Trabalho

Segurança do trabalho

Entrevista Direto De Portugal,com Paulo Azevedo,já vendeu mais 40.000 mil livros

em Terça, 23 Julho 2013. Postado em Deficiência e Amputação

Entrevista Direto De Portugal,com Paulo Azevedo,já vendeu mais 40.000 mil livros

Ator Paulo Azevedo nasceu com oito meses,antes do tempo e sem que nada o fizesse prever. Na manhã do dia 29 de Outubro de 1981, a minha mãe estava a caminho de uma consulta e de um raio X em Coimbra no Pais Portugal quando lhe rebentaram as águas. Ia com a família na carrinha do meu avô e foi um pandemónio.Quando a minha mãe acordou da anestesia, a minha madrinha aproximou-se dela e disse-lhe:– Clara, o teu filho não é igual aos outros meninos, houve um problema. Se não estiveres preparada para o ver, eu não vou buscá-lo já.– O que é que se passa com o bebé?A minha madrinha não conseguiu encontrar palavras para responder àquela pergunta. Foi ao berçário, pegou em mim e perguntou à minha mãe se queria mudar-me a fralda. Eu vinha embrulhado numa manta e, quando me destapou, a minha mãe olhou para mim e – talvez ainda meio anestesiada – o primeiro comentário que fez foi:Ficou apática, sem conseguir reagir, mas foi a pessoa que melhor encarou a situação.Em 2008, entrei na minha primeira novela: Podia Acabar o Mundo, na SIC. A propósito, conhecem o Raimundo Simões?Antes disso, fiz teatro, estudei jornalismo em Coimbra, fui treinador de futebol e fiz tudo aquilo que qualquer pessoa também fez.Tal como o Raimundo, eu, Paulo Azevedo, aprendi a fazer das fraquezas forças e festejei todas as vitórias de uma forma muito especial. Porque na vida só quando se passa por grandes dificuldades se sente o verdadeiro sabor de conseguir, de vencer. Nunca escolhi o caminho mais fácil. Seria simples conformar-me com as verdadeiras limitações e não lutar pelos meus sonhos. Assim não sofria. Mais tarde pensei: vou lutar sempre, posso não vencer todas as batalhas, mas sei que dou sempre o meu melhor. E depois o sabor do simples subir de um degrau sem ajuda, do ser praticamente autónomo, vence qualquer adversidade na vida. Cada vez vejo mais que a deficiência esta nos olhos de quem a vê. Eu não a vejo, limito-me a tentar ser uma pessoa como todas as outras e a levar “uma vida normal”.

Queremos Agradecer Paulo Azevedo todo carinho e Atenção, que teve com Nossa Equipe Amputados Vencedores desejamos muito sucesso Abraços Flávio Peralta

1)Idade e profissão:

R: 26 anos, Ator

2)Atividade atual:

R: Ator

3)Endereço de seu blog ou site:

R: http://pauloazevedo.portoeditora.pt/

4) Sua deficiência:

R: amputado de nascença das mãos e dos pés

5)Estado Civil:

R: Solteiro

6)Fale um pouco sobre sua deficiência:

R: nasci com uma má formação congênita quer nos membros superiores e inferiores, uso próteses nos membros inferiores nos braços rejeitei.

7) Como foi a sua infância?

R: a minha infância foi perfeitamente normal, tive sempre muito apoio da família, dos amigos e sempre fui um garoto feliz, como nasci assim aprendi a fazer tudo normalmente, mas a minha maneira.

8) E a sua adolescência, como foi?

R: a minha adolescência foi bastante atribulada, sempre fui um rebelde, mas foi normal, tive os meus amores, as minhas desilusões

9)Como conseguiu superar esses momentos?

R: com muita garra e força de vontade.

10)Quanto a sua profissão, como se desenvolveu?

R: eu sempre tive o sonho de ser ator, fiz teatro desde os seis anos e depois de uma reportagem sobre a minha vida na estação de televisão portuguesa SIC fui tirar um curso de representação e entrei na novela “podia acabar o mundo”Em breve vai chegar às livrarias a 4.ª Edição do meu livro.Obrigado a todos - em meu nome e da Sofia Arêde - os que contribuiram para este magnífico sucesso!Esperamos que o livro possa continuar a ser encarado como a mensagem positiva que idealizámos desde o primeiro momento.(Nota: a meio de Dezembro anunciei aqui a 2.ª edição; acontece que os pedidos das livrarias foram tantos, que a Porto Editora teve de imprimir logo uma 3.ª)

11)Como você percebe a relação da sociedade com quem possui algum tipo de deficiência?

R: a sociedade por vezes pode ser muito cruel, no meu caso o sentimento passou de pena, de coitadinho, para admiração, a exposição na TV fez com que a sociedade portuguesa abri-se mais a mente em relação às pessoas com deficiência, eu mostrei que os ditos diferentes são tão capazes como qualquer um outro.

12)Você teve alguma dificuldade na área profissional?

R: sim, no inicio pensavam que eu estaria na TV por pena ou por algum favor, mas rapidamente mudaram de opinião quando viram que afinal tinha talento, mais tarde o povo português elegeu-me ator revelação

13)E qual a sua opinião sobre a pessoa portadora de deficiência no mercado de trabalho?

R: acho que todos devemos ter direitos de igualdade, nos portadores de deficiências somos tão ou mais capazes que qualquer um.

14)Qual a sua mensagem para os portadores de deficiência que ainda não alcançaram esse otimismo?

R: se sonham, se desejam, se tem objetivos lutem, nunca baixem os braços, cada vez que falhamos tornamo-nos mais fortes.Lembro-me de estar em cima delas e de sentir pânico, por estar muito mais alto. No início, tinha sempre medo de cair, agarrava-me a tudo ou então ficava sem me mexer, paralisado pelo medo. Caminhava sempre apoiado às paredes. Ia aumentando os percursos, aos poucos, como os bebés. Cada passo era uma vitória.

Contato de Paulo.

paulitopnsa@hotmail.com

 

pauloazevedo3 pauloazevedo2

Visualizações

6264

Comentários (0)

Deixe um comentário

Você está comentando como visitante.

Apoiadores - Palestras Segurança do Trabalho | SIPAT

  • logo-banner-ttg
  • logo-pedra-da-ilha
  • logo-sipat-show

Amputados Vencedores Segurança do Trabalho - Palestra Sipat

Palestras sobre segurança no trabalho Flávio Peralta

Segurança do Trabalho

Cursos Segurança do TrabalhoClínica Veterinária em Londrina

Entre em contato

Fone (43) 3338-1791

Fone (43) 3028-1791

Celular (43) 9997-6275 WhatsApp

Londrina - Paraná - Brasil

e-mail flavio@amputadosvencedores.com.br .

Redes Sociais

gpluspinterestinstalinkedin

twitterfaceyoutube

Assine Newsletter

logo-rodape 

Topo da Página